quinta-feira, 7 de outubro de 2010

The Fear

Hoje vi escrito numa parede:
"O que você faria se não tivesse medo?"


Fiquei me perguntando durante o caminho inteiro.
Sei bem o que eu faria.
Mas o medo existe.






Ouvindo: Frozen - Within Temptation

4 comentários:

Melinda Lyla Sordino disse...

Não podemos deixar que o medo tome conta de nossas decisões..
Sim, ele existe, sim, ele assusta, sim, ele condena, mas... como saber se o medo era válido se sequer tentamos??
Apesar de todos os nossos medos, nossos desejos precisam ser capazes de falar mais alto, de deixar que as coisas aconteçam, de deixar que as experiências se solidifiquem, pra então decidirmos se foi bom ou ruim..
Se for bom, ótimo, se for ruim, cabe a nós não repetir no erro...
Pense nisso...

Vivi Ichihara disse...

Eu conheço essa parede!
Eu a via todos os dias quando ia de metrô pro colégio!
Na época eu passava por um momento que exigia mesmo de mim essa pergunta!
Eu também sabia muito bem o que fazer, mas não conseguia porque fui tomada pelo medo.
Muito tempo depois, eu tomei coragem e fiz o que devia fazer.
Não tomou nem um pouco as proporções que eu queria.
Pelo contrário, até me fez sofrer por um tempo.
Mas sabe o que aconteceu depois?
Eu podia fazer qualquer coisa que eu quisesse.
Porque eu perdi o medo.

The Writer disse...

No fear
Destination darkness
No fear

;D

Jessica disse...

Não sei exatamente o que eu faria. Já me perdi dentro do medo faz muito tempo, não sei qual seria a reação em colocar a cabeça para fora e respirar as coisas de maneira tão simples. Sei que tem coisas que gostaria de fazer, certamente, e essas o medo não permite. Mas conseguiria fazê-las de qualquer maneira?
Bom, deixa pra lá, não quero me fazer novamente essa pergunta, ainda mais quando estou em processo de saber a resposta naturalmente, quebrando a cara mais uma vez.
É só aguardar.